terça-feira, 18 de novembro de 2008

"Coisas-Que-Preciso-Fazer-Mas-O-Papai-Noel-Não-Deixa"


Todo ano a mesma coisa. Todo ano a mesma história.
Natal!
Produzir decoração. Produzir campanha. Produzir eventos. Há mais de um mês eu estou nessa função. Isso há mais de anos!
Ah! Se eu pudesse encontrar com o Velhinho, sentar no colo dele e pedir: me dá mais tempo?! Ou então: vem logo, já que você tem que vir todo ano mesmo, mas tumultua menos a minha vida!
Eu acho que eu estaria um pouco mais aliviada. Aliviada até para arrumar mais confusão... Ou para colocar a minha confusão em ordem...
Mas está certo.
A hora é mesmo essa.
O ano inteiro a gente espera por essa época. Espera não, no meu caso, a gente se prepara emocionalmente para esse período de ralação infernal.
A listinha de pendências no serviço só vai aumentando.
E acabo de perceber que a minha listinha de pendências pessoais está indo pelo mesmo caminho...
Não! Não pode!
E eu preciso cuidar de mim... Eu preciso e não estou conseguindo...
Preciso escrever – meus leitores me cobram! (Risos!) – Avanço! Já comecei;
Preciso pintar e hidratar o meu cabelo – Ok! Salão marcado;
Preciso terminar aquele livro ali na cabeceira da cama – O enredo estava tão interessante, como é que eu consegui deixar a coisa esfriar? Conseguindo! Como sempre;
Preciso pegar aquele CD e jogar as músicas para o mp3 – Sábado? Será que agüento até lá?;
Preciso trocar o toque do celular – Tudo bem, a trilha atual é a minha favorita! Mas é pra não correr o risco de enjoar;
Preciso jogar as fotos do final de semana do pen drive para o note, fazer a montagem da vez e publicar – Ok! A publicação já virou “Coluna Social”;
Preciso finalizar a pasta “Fotos Para Revelar”, gravar num CD e levar para revelação – Oba! Ganhei um descontão fantástico na loja do shopping!;
Preciso organizar meus CDs – Minha vida é musical! É inconcebível essa bagunça amontoada ali no canto;
Preciso decorar minha casa para o Natal – Sim! Eu faço isso! Tudo bem que o presépio do último ano está montado até hoje...
Preciso comprar: o meu perfume, meias, sapato, cinto e porta-cd;
Preciso abastecer a casa de inseticida – O verão já começou!;
Preciso levar o edredom para lavanderia – Oba! O verão já começou!;
Preciso ir no dermatologista – Viva a idade!;
Preciso ir no dentista – Viva a vaidade!;
Preciso... Preciso... Preciso...
Eu preciso precisar menos! Isso sim!
Velhinho! Chega aí! Posso fazer um pedido?! Só um, unzinho! Faço no seu ouvido: me ajuda a ir só até o fim! Já tá de bom tamanho!

2 comentários:

ju... disse...

Como sempre... uma delícia de post!!!

Saudade... até daquilo q ainda não vivi...

sarah disse...

Eeeeeeeeee! Atualizou o blog!
Minha leitura diária tava desatualizada baby... :)
Lindo post!
Saudades amiga...
Beijos